terça-feira, 22 de abril de 2014

Águas Calientes ou Machu Picchu Pueblo, ao gosto do viajante


Lembre-se que sua ida para qualquer hostal ou hotel, que na verdade são hostal sem grandes confortos mas suficiente para sua estadia de uma ou duas noites por aqui, deve ser feita a pé e você sempre carregando sua mochila (novamente, evite malas de rodinhas).



Optamos por ficar no Hotel Hatum Pachamama Inn, próximo a estação ferroviária. Um hotel razoável, meio esquisito por dentro, daqueles que foram ampliando conforme dava. Mas o apartamento era ótimo, para os padrões do local, bem grande, com duas camas box bem confortáveis, edredons novinhos e macios, travesseiros fofos, tv a cabo, o banheiro um pouco pequeno e escuro, mas limpo. Isso foi o principal pois caminhamos muito e uma cama macia ajuda muito nesses momentos. Pagamos, com reserva feita através do Booking.com U$ 120,00 por duas noites, para dois com café da manhã. embora o wifi era muito ruim. Não espere wifi bom em qualquer lugar de Machu Picchu, afinal você está no meio dos Andes.




Depois de descansarmos um pouco fomos dar uma volta por Águas Calientes. O povoado estava pouco movimentado e resolvemos ir primeiro comprar nossas passagens para ir de ônibus até o sítio arqueológico de Machu Picchu. Sim caríssimos, depois de avião, táxi, trem, você terá que pegar um micro-ônibus e fazer uma viagem de 30 minutos morro acima, por uma estradinha que é um rallie. Sério, nunca passei tanto medo, principalmente a descida quando somente passa um micro, mas os motoristas teimam em passar em dois, e o que está descendo fica a milímetros da ribanceira. uma verdadeira aventura, em uma subida ou descida de 700 metros, cheia de curvas.

Compre assim que você chegar as passagens de micro-ònibus para Machu Picchu. O primeiro transporte sai às 5h30 da manhã, e a cada minuto sai outro. Depois das 9hs começa a ficar lotado e formar filas pois os trens que chegam trazendo os mochileiros que querem apenas passar o dia em Machu Picchu e voltar a noite para Cusco começam a chegar a partir desse horário. O ideal é você pegar o micro antes das 8 horas para também não pegar fila na entrada do sítio ecológico. A passagem ida e volta cuta U$ 18,00 dólares por pessoa. Salgado, né? Alguns até se aventuram a ir os 700 metros a pé, mas veja abaixo se realmente vale a pena.


O endereço para comprar as passagens do ônibus pra Machu Pìcchu é na Avenida Hermano Hayar



Compradas as passagens fomos dar uma volta pelo vilarejo, conhecer sua plaza de armas.


Casa de Cultura de Machu Picchu  Pueblo
escolha um dos charmosos restaurantes que ficam a beia dos trilhos do trem
Águas Calientes possui ótimos restaurantes
Se não estiver com muita fome faça um lanche deliciosos na  La Boulangerie de Paris, com comidinhas e lanchinhos deliciosos como você vê pela vitrine. e servem taças de bons vinhos chilenos para acompanhar,
escolhemos a  La Boulangerie de Paris
uma delícia, com doces, salgados, bolos e croissant deliciosos, nada caros

Instagram

Nenhum comentário:

Postar um comentário