terça-feira, 22 de abril de 2014

Destino: Machu Picchu, de Ollanta a Àguas Calientes de trem

Planejamento sempre é ótimo pois faz você diminuir os custos, aproveitar com mais qualidade seu tempo, conhecer mais lugares e, principalmente fugir de roubadas. Mas sorte, ahhh, essa sempre é muito bem-vinda. Ainda mais se na hora de trocar seu voucher pela passagem na Peru Rail eles te dão os primeiros lugares, na primeira fila, no primeiro vagão e do lado esquerdo do trem. Aí você poderá desfrutar sua viagem literalmente na janelinha e será muito sortudo.



 


 


 

A viagem dura somente 1h30 e são apenas uns 40 km de distância, mas o trem vai parando o tempo todo para tirar galhos dos trilhos, deixar outro trem em sentido contrário passar, deixar os moradores locais atravessarem, coisas assim.


Dica importante: quando você for trocar sua passagem para ir a Machu Picchu para assentos no lado esquerdo do trem pois a paisagem é bem mais bonita pois o Rio Urubamba corre ao lado dos trilhos todo o percurso.









Chegando em Águas Calientes ou Machu Picchu Pueblo você irá descer no terminal ferroviário que fica dentro do vilarejo. Saindo do vilarejo é um mundo de tendas de venda de artesanatos que você nem vê o céu, apenas tendas de artesanatos para tudo que é lado. Lembre-se qui que mochilas, tênis, botas e roupas confortáveis, bonés, capa de chuva e capas impermeáveis são essenciais.





 

 

 

No meio do vilarejo continua o leito do rio Urubamba e o vilarejo se divide nos dois lados do leito do rio e sempre ao redor do trilho. Para chegar ao seu hotel é sempre bom preguntar porque você poderá passar pelo labirinto de tendas, atravessar as pontes sobre o rio, entrar em ruelas, subir morros e sempre com sua mochila nas costas e tênis no pé. Privilegie seu conforto. Para informações sobre que trem escolher, horários, preços veja o post "Dicas para escolher seu trem para Machu Picchu"

Instagram

Nenhum comentário:

Postar um comentário