sexta-feira, 21 de outubro de 2016

A pirâmide de vidro do Musée du Louvre












O aumento do público do Musée du Louvre no início dos anos 70, aceleraram a transferência das obras posteriores a 1848 para o Musée d'Orsay, instalado na margem oposta do rio Sena e que foi inaugurado em 1986.



O Louvre iniciou então uma transformação radical  para facilitar o acesso a um maior número de visitantes, criando uma estrutura museológica vanguardista em um prédio renascentista.





Um projeto foi anunciado em 1981 e o símbolo da renovação do Grande Louvre é a Pirâmide de Vidro projetada pelo arquiteto sino-americano Leoh Ming Pei, e até hoje é a entrada principal do museu.









O arquiteto projetou a pirâmide para ser um ponto de referência no meio do espaço do Louvre, e para servir de entrada aos visitantes, além de deixar os visitantes verem o esplendor dos prédios históricos.





A entrada dos vistantes feita pela pirâmide de vidro possibilita a iluminação do piso inferior onde fica o acesso as três alas do museu, que abrigam as coleções, as ala Richelieu, ala Sully e ala Denon.



http://www.louvre.fr/


Nenhum comentário:

Postar um comentário