sexta-feira, 7 de outubro de 2016

O inspirador Musée Rodin, em Paris


Musée Rodin



























Nem Louvre, nem D'Orsay, nem a Torre Eiffel ou a Sacre Coeur. Conheça o local mais inspirador de Paris, o maravilhoso Musée Rodin e seu incrível Jardim das Esculturas.

rue Varenne
O Musée Rodin fica ao lado do hôtel des Invalides, e é um local perfeito para passar um dia de sol em Paris, um dos dos lugares mais bacanas que conheço. Ficar sentada  admirando O Pensador de Auguste Rodin, e suspirando mediante a imensa genialidade do escultor é um programa sensacional em Paris. Das top 10, é a minha favorita, na cidade.

O Pensador, de Rodin
Ugolino
Outras obras incríveis estão pelo museu, seja no Jardim das Esculturas, ou dentro do hôtel Biron. Obras genias, como A Porta do Inferno, Os Burgueses de Calais e O Beijo. Acima, a obra Ugolino.

Jardim das Esculturas e o hôtel Biron



                                  Os Portões do Inferno
Rodin, ao morrer em 1917, era o melhor escultor da Europa e havia revolucionado a arte com suas estátuas.

Hôtel Biron































O Hôtel Biron é uma residence particulier construída em 1730 e pertencia do Duque de Biron. Em 1904 foi transformada em estúdio do governo francês para artistas, e Rodin morava aqui junto com outros artistas famosos da época, como Henri Matisse, Jean Cocteau e Isadora Ducan.




























Rodin, foi o último inquilino e com medo que a maison fosse demolida, doou toda sua obra e seu acervo ao governo francês para o local ser transformado em um museu, em troca de um apartamento e espaço para seu estúdio.



























Após sua morte, em 1917 o Hôtel Biron transformou-se no Musée Rodin. Seu espetacular Jardim das Esculturas é belíssimo, por isso recomendo que o museu deve ser visitado em um dia de sol. O lugar é realmenteinspirador.



O endereço do Musée Rodin é no 77, Rue de Varenne, no Invalides, estação Varrene (linha azul clara). O ingresso custa ¢ 10,00. Com o Paris Museum Pass não é necessário mais nada. O horário de funcionamento do museu é das 10hsas 17h45, para o museu, jardins, cafeteria e boutique. 

 

Minha dica é: almoce ou tome um café na cafeteria do museu. Não perca a chance de passar algum tempo muito agradável em um lindo jardim, olhando as obras de Rodin. A cafeteria não possui opções de almoço.

 

Um almoço frugal, suficiente para uma enganadinha, para duas pessoas custa um total de ¢ 18,70 (salada Orphee ¢ 12,00, dois croissant ¢ 3,60 e uma água Vittel ¢ 3,10). Infelizmente não tinha opções para almoçar, mas valeu cada euro naquela linda tarde de fim de inverno.

Café du Musée Rodin




 


Nenhum comentário:

Postar um comentário